Gosto pela arte da prótese dentária

Imagem da notícia: Gosto pela arte da prótese dentária

Avelino Santos, protésico natural de Carnide, Pombal, contou-nos em entrevista como se deu a sua ligação à área.

LabPro: Como se deu a sua entrada na área da Prótese Dentária? Conte-nos a sua história…

Avelino Santos: Emigrei… Por diversos motivos, emigrei para um país que se chama França e foi lá que fiz a minha formação na área da Prótese Dentária. Depois de viver lá durante 18 anos, abri o meu primeiro laboratório, onde já tinha 10 funcionários, e depois regressei para Portugal decidi abrir aqui outro espaço.

LP: Mas porquê a área da Prótese Dentária?

AS: O meu pai também era emigrante, conhecia um dentista lá em França, e foi ele que me levou para um laboratório de Prótese Dentária e, a partir daí, desencadeou-se este ramo e, é claro, o gosto por esta arte.

LP: Como surgiu a ideia de criar o LTD -Laboratório Técnico Dentário?

AS: A abertura do LTD aconteceu derivado à situação de regressar a Portugal, já com uma base de experiência do outro laboratório que tinha em França, que se chamava LTA – Laboratório Técnico Associado… e daí resultou o LTD.

Leia a entrevista na íntegra na LabPro 12, aqui.

12 Setembro 2014
Entrevistas

Notícias relacionadas

“A prótese removível é o patinho feio da prótese dentária”

Maria de Lurdes Veiga Kraemer nasceu em Dume, Braga, mas cedo partiu para a Alemanha com os pais, onde tirou o curso profissional de técnica de prótese dentária por “mero acaso”. Numa conversa com a LabPro, a técnica de prótese dentária falou sobre a escolha profissional, o laboratório de prótese que tem com o marido, da colaboração com a Merz Dental, na qual dá formação, e da dificuldade da prótese removível se afirmar no mundo da prótese.

Ler mais 12 Agosto 2021
EntrevistasPrótese dentária