Nondas Vlachopoulos: “Temos de trabalhar muito e ser criativos”

Imagem da notícia: Nondas Vlachopoulos: “Temos de trabalhar muito e ser criativos”

Persistência e criatividade são palavras de ordem para o especialista grego Nondas Vlachopoulos.

À LabPro, durante o Congresso APTPD 2016, referiu como “a mensagem principal aos profissionais é que temos de trabalhar muito e ser criativos, porque as tecnologias ajudam-nos cada vez mais no nosso dia-a-dia, mas têm de ser complementadas com as capacidades de cada técnico. Conhecimento, técnica, criatividade e talento são fundamentais”.

Na palestra intitulada “Full ceramic restorations: the art behind the design”, o especialista em restaurações estéticas de cerâmica e sobre implantes começa por pedir que levantem o braço os profissionais que trabalham oito horas por dia. Ninguém se acusa e ele repete a pergunta. Depois de constatar que uma pessoa entre 400 levantou o braço, reformula a questão: “Porquê? Por que razão trabalhamos mais de oito horas por dia? Porquê? Não pode ser pelo dinheiro. Se calhar somo malucos (risos). A verdadeira resposta é que queremos trabalhar mais e melhor, evoluindo com conhecimentos, materiais, formação e tecnologia”.

Considera-se um designer de sorrisos e acredita que “não devemos destruir dentes naturais por causa de estereótipos”. Gosta da assimetria natural e de sorrisos harmoniosos. Fala das diferenças de gosto nas sociedades. “Por exemplo, para um americano os dentes muito brancos são considerados belos, enquanto um europeu gosta de maior opacidade”.

Mais uma vez foi também abordada a relevância do registo fotográfico dos pacientes. “É muito importante que o nosso médico dentista nos envie a fotografia do rosto do paciente para sabermos qual o melhor resultado. Cada caso é um caso, cada paciente é um paciente. E com um vídeo do paciente a falar melhor ainda. Podemos analisar a dinâmica muscular e as proporções”.

Refere como “os erros não estão nos materiais, mas em nós. Neste momento, já não há necessidade de haver materiais maus. Nós é que podemos não os saber usar ou cometemos erros”.

17 Junho 2016
Entrevistas

PUBLICIDADE
MineralDente - Recrutamento

Notícias relacionadas

Prótese Dentária ganha novo impulso com curso de mestrado

João Carlos Roque, membro do Conselho Pedagógico e docente do Conselho Coordenador da Licenciatura em Prótese Dentária, refere que “começa uma nova etapa no ensino da prótese dentária. Mais um degrau na afirmação de uma profissão que se quer reconhecida no ensino universitário”.

Ler mais 17 Julho 2024
Entrevistas

“O fluxo digital está e veio para ficar”

O Open House Digital Lab realizado a 22 de junho no Museu do Oriente, em Lisboa, foi o ponto de partida para uma análise ao evento pioneiro da Montellano, com Tiago Santos, business manager da Digital Dental Solutions & Lab, a área de laboratório da Montellano.

Ler mais 9 Julho 2024
Entrevistas

Sara Martins em entrevista

"Conceito 5.0 em Prótese Dentária" foi criado por Sara Martins, que organiza a primeira edição desta formação marcada para 6 de julho em Lisboa e que regista lotação esgotada. Fomos ao encontro da técnica de prótese para entender o que está por detrás dos seus projetos. 

Ler mais 26 Junho 2024
Entrevistas