“A Fábula da Zircónia”

Imagem da notícia: “A Fábula da Zircónia”

Artigo técnico de Luca Nelli.

A zirconia Prettau é ouro branco com umas características muito especiais.

A metamorfose da estrutura de modelação de cera a poliuretano e a prova das estruturas de FRAME para comprovar todas as características oclusais e funcionais, já na fase de modelação, oferecem segurança e evitam o fracasso durante a elaboração da prótese definitiva em zirconia Prettau.

Deste modo, não é necessário corrigir a zirconia já sinterizada. Graças à maior translucidez da zirconia Prettau, é possível elaborar dentes estéticos e expressivos de zirconia maciça. Antes de sinterizar, pigmenta-se e, depois da queima especial de sinterização, volta-se a caracterizar, aplicando um pouco de esmalte fluorescente.

As fracturas da cerâmica (“chipping”) das superfícies oclusais ou nos bordos incisais passaram à historia.Graças à estética, à longevidade e à excelente facilidade de higiene deste material, conseguiu-se uma melhoria significativa em comparação com as variantes com subestrutura de metal e revestimento de matéria plástica que tínhamos até agora.

Dado que não se produzem abrasões próprias dos materiais plásticos, o alto custo de elaboração amortiza-se em pouco tempo, devido à resistência essencial das próteses elaboradas com zirconia Prettau.

Esta prótese foi fresada com o sistema de fresagem manual da Zirkonzahn (Foto 21) e pode agora também ser fresada com o CAD/CAM 5-Tec da Zirkonzahn.

Leia o artigo na íntegra na LabPro 14, aqui.

3 Fevereiro 2015
Artigos Técnicos

Notícias relacionadas